Alerta para circulação de notas falsas no comércio de Divinópolis de Goiás

A prefeitura de Divinópolis de Goiás, emitiu um alerta nesta quarta-feira (30) após identificar notas falsas em circulação no município de 5 mil habitantes. “Comunica a toda a população para que fique atenta, e não caia neste golpe”, diz trecho de comunicado.
A prefeitura de Divinópolis de Goiás, emitiu um alerta nesta quarta-feira (30) após identificar notas falsas em circulação no município de 5 mil habitantes. “Comunica a toda a população para que fique atenta, e não caia neste golpe”, diz trecho de comunicado.

A gestão municipal orienta aos comerciantes que fiquem atentos e sempre verificar e identificar a autenticidade da cédula. A prefeitura orienta ainda que para fazer denúncia e maiores informações procurar a Polícia Civil, na Avenida dos Professores, no Centro da cidade. O crime de moeda falsa está previsto no artigo 289 do Código Penal. 

Quem falsifica, fabrica, adquire, vende, troca, guarda ou tentar colocar uma cédula falsa em circulação está passivo de prisão com penas que variam de 3 a 12 anos de reclusão. 

Até agora ninguém foi identificado.

Quais itens você deve checar ao receber uma nota? Existem cinco mecanismos de segurança que você deve observar para verificar se uma nota é verdadeira ou não. 

Marca-d’água Basta colocar a nota contra a luz para ver, na área clara, a figura do animal e o número do valor da nota em tons que variam do claro ao escuro.

 Alto relevo

Pelo tato, dá para sentir o relevo em algumas áreas da nota. Na frente, na legenda “República Federativa do Brasil”. Nas laterais e nos números indicativos do valor (nas notas de R$ 10 e R$ 20, apenas no número inferior esquerdo) também é possível perceber a diferença de textura. E, no verso, também há o alto relevo na legenda “Banco Central do Brasil”

Número escondido

Ao colocar a cédula na altura dos olhos, na posição horizontal, é possível ver o valor da nota aparecer nas áreas indicadas na imagem. Importante: o lugar precisa estar bem iluminado para que o número escondido apareça.

Faixa holográfica (apenas nas notas de R$ 50 e R$ 100) 

Ao movimentar essas notas, dá para ver que o número do valor da nota e a palavra “reais” se alternam, a figura do animal fica colorida e aparecem diversas cores em movimento.

Número que muda de cor (apenas nas notas de R$ 10 e R$ 20) 

Ao movimentar essas notas, o número assinalado muda do azul para o verde. Uma faixa brilhante parece rolar pelo número. 

Recebeu uma nota falsa? Saiba o que fazer

Além da recomendação da prefeitura em acionar a Polícia Militar, o Banco Central orienta sobre quais providências tomar se você receber uma nota falsa, seja comerciante ou pessoa física. 

Se desconfiar da autenticidade de uma nota após observar os elementos de segurança ou comparar com outra cédula legítima, você pode recusá-la. “É importante sempre recomendar ao dono do exemplar suspeito que procure uma agência bancária para encaminhamento da nota para ser analisada pelo Banco Central”, afirma. 

A circulação de notas falsas de real é uma prática que acontece em várias cidades de todo o país.

A situação piorou após o lançamento da nota de R$ 200, no ano passado, o que forçou o Banco Central a lançar uma campanha para ensinar a identificar uma nota falsa da verdadeira.

BLOG. FRANCISCO FIGUEIREDO

Muito Obrigado por sua visita! A internet é a mais fantástica invenção do homem nos últimos tempos. A liberdade de pensamento que ela nos oferece é de um poder fenomenal. E foi tentando otimizar este espaço privilegiado, que editamos este Blog. O intuito é publicar e discutir qualquer assunto que seja notícia ou de interesse público. Muito obrigado por sua visita e não esqueça de interagir conosco, escrevendo e opinando. REPÓRTER INVESTIGATIVO, DETETIVE PROFISSIONAL - EQUIPE CODI. COMUNICAÇÃO E MÍDIA.

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem

Publicidade

Music