Polícia prende envolvidos em homicídio, estelionato e outros crimes em Alvorada do Norte-GO

A Delegacia de Polícia de Alvorada do Norte, no nordeste goiano, com apoio da Polícia Militar, realizou na terça-feira (20/9) o cumprimento de prisões temporárias e busca e apreensão em meio à Operação Concilum Fraudis. 

Foi apurado, durante as investigações, que uma mulher, um bacharel em direito que se apresentava como advogado e dois advogados, agindo em comunhão de desígnios, participaram de um ato criminoso por meio do qual um homem foi assassinado com disparos de arma de fogo. 

No transcorrer das investigações, constatou-se que a vítima se tratava de um usuário de drogas, que estava vivendo em extrema precariedade. O indivíduo que se passava por advogado estava utilizando a conta bancária da vítima para movimentar valores financeiros.

O suspeito realizou a compra de uma carta de crédito no valor de R$ 209 mil reais e de dois seguros de vida em nome da vítima, sendo que em um dos seguros de vida, ele próprio seria o beneficiário.

Meses após a aquisição dos seguros de vida, a vítima foi assassinada as margens do Rio Corrente, local de difícil acesso no município de Alvorada do Norte. A mulher detida afirma que pessoas por ela desconhecidas a avisaram sobre o corpo encontrado.

Logo após a morte da vítima, um indivíduo que trabalha como advogado, juntamente com o individuo que se apresentava como advogado, exercendo pressão psicológica e por meio de ameaças, coagiram a genitora da vítima a outorgar plenos poderes para o outro advogado para que assim, pudessem ter acesso aos valores da carta de crédito e aos valores dos seguros de vida. 

Consoante relatos da mãe da vítima, na ocasião, os indivíduos falaram que, caso ela não assinasse a procuração pública, pessoas poderiam ir atrás dela para atentar contra sua vida. 

O advogado, de acordo com a mãe da vítima, disse que seria o delegado da cidade, com intuito de pressionar a mulher a outorgar a procuração, inclusive o advogado assinou a rogo a referida procuração pública, vez que a mulher é analfabeta.

Desta feita, foi realizada representação ao Poder Judiciário solicitando a prisão temporário dos envolvidos, bem como, busca e apreensão domiciliar. Na residência da mulher, detida foi encontrada grande quantidade de drogas, dezenas de invólucros para embalar cocaína, dinheiro em espécie, armas de fogo, munições, joia, aparelhos celulares e máquina de cartão de crédito.

No automóvel em que estava um dos advogados e o indivíduo que se passava por advogado, foi localizada uma arma de fogo pertencente ao segundo indivíduo. 

A mulher foi autuada em flagrante pelo crime de tráfico ilícito de entorpecentes. Um dos autores não foi localizado durante a realização da operação. 

Os detidos foram devidamente encaminhados para unidades prisionais e estão à disposição do Poder Judiciário. 

Fonte: PCGO

BLOG. FRANCISCO FIGUEIREDO

Muito Obrigado por sua visita! A internet é a mais fantástica invenção do homem nos últimos tempos. A liberdade de pensamento que ela nos oferece é de um poder fenomenal. E foi tentando otimizar este espaço privilegiado, que editamos este Blog. O intuito é publicar e discutir qualquer assunto que seja notícia ou de interesse público. Muito obrigado por sua visita e não esqueça de interagir conosco, escrevendo e opinando. REPÓRTER INVESTIGATIVO, DETETIVE PROFISSIONAL - EQUIPE CODI. COMUNICAÇÃO E MÍDIA.

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem

Publicidade

Music